SITAWI é a primeira organização brasileira acreditada pela Climate Bonds Initiative para a certificação de títulos verdes

O Climate Bonds Standard Board, conselho da Climate Bonds Initiative (CBI), confirmou a SITAWI como um Verificador Aprovado sob o Climate Bonds Standard & Certification Scheme. A acreditação permite que a SITAWI opere como um verificador terceirizado para avaliar se a operação de dívida verde atende aos requisitos de certificação frente ao Climate Bonds Standard. A SITAWI se junta a uma lista global e seleta de menos de 50 verificadores aprovados.

A emissão global de títulos com certificação CBI atingiu a marca de USD 150 bilhões em outubro 2020, de um total de mais de USD 1 trilhão em títulos verdes rotulados. No Brasil, em pouco mais de 50 operações, foram levantados mais de USD 11 bilhões em emissões rotuladas. Os critérios da CBI buscam determinar, setor a setor, quais são os ativos e projetos verdes elegíveis, reduzindo a subjetividade de outros modelos de avaliação externa, como a segunda opinião, que utiliza os Green Bond Principles como referência.  

“A SITAWI foi a primeira organização latinoamericana a colaborar com a CBI, desde 2014. Em 2017, participamos da primeira operação brasileira com certificação CBI. Desde então, nossos mais de 40 pareceres de segunda opinião buscaram referendar os critérios da CBI, quando disponíveis. Como verificador aprovado, poderemos oferecer aos emissores latinoamericanos uma certificação global executada com expertise e equipe local, uma combinação ímpar em qualidade e competitividade. As primeiras certificações devem ser no segmento de energia solar e biocombustíveis, setores que estão bastante aquecidos no momento” comentou Gustavo Pimentel, Diretor Executivo da SITAWI. 

A SITAWI opera a maior prática de finanças sustentáveis da América Latina, com 45+ profissionais dedicados e 150+ clientes atendidos. Também é pioneira no mercado de títulos verdes e temáticos, provendo avaliação externa (segunda opinião) para 40 das 43 emissões desse tipo realizadas no Brasil em moeda local, que levantaram mais de R$ 12 bilhões para projetos e ativos verdes. A SITAWI promove o tema na região desde 2014, quando realizou o primeiro evento sobre títulos verdes no Brasil, foi parceira técnica na redação do Guia de Títulos Verdes para Emissores Brasileiros (Febraban, CEBDS, 2016), autora da primeira taxonomia de títulos verdes para o Brasil (Não Perca Esse Bond, 2018) e coordenadora do comitê brasileiro de acompanhamento da norma ISO 14.030 sobre Green Bonds (2018 – 2020).

A Climate Bonds Initiative é uma organização internacional que promove investimentos em larga escala na economia de baixo carbono. O Esquema de Certificação da Climate Bonds Initiative é o primeiro e único do tipo no mundo e estabelece as melhores práticas para o mercado em termos de ação climática e reporte. O padrão é baseado na ciência, desenvolvido a partir de um processo multistakeholder e supervisionado pelo Climate Bond Standards Board, trazendo segurança a investidores e intermediários sobre a integridade ambiental e climática dos títulos e outros produtos de dívida verde. 

“Após inúmeras iniciativas conjuntas de sucesso no Brasil, não poderíamos estar mais felizes em receber a SITAWI em nosso pool de verificadores. Ambos sabemos do enorme potencial das finanças verdes no Brasil e esperamos ver muitas emissões acontecendo em 2021. A reputação da SITAWI no mercado doméstico será importante para disseminar melhores práticas no mercado ampliando o fluxo de capital para projetos sustentáveis”, diz Justine Leigh Bell, Vice-Presidente da Climate Bonds Initiative.

Para mais informações, visite www.climatebonds.net.