SITAWI apoia Ministério do Desenvolvimento Regional a adotar parâmetros ASG em projetos de infraestrutura

O Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR) lançou, no dia 30 de agosto, a Estratégia Investimento Verde para o Desenvolvimento Regional. A iniciativa tem como objetivo promover a adoção de critérios ASG em projetos de infraestrutura e prestação de serviço nos setores de saneamento, segurança hídrica e mobilidade. A SITAWI apoia o MDR na implementação dessa estratégia através de dois projetos de cooperação técnica. Em sua participação no evento de lançamento, Gustavo Pimentel, diretor executivo da organização, apresentou um panorama dos projetos.  

O primeiro é focado nos setores de saneamento básico e infraestrutura hídrica e envolve cooperação com o Instituto Interamericano de Cooperação para a Agricultura (IICA). O objetivo é desenvolver duas taxonomias ASG setoriais e cinco frameworks subsetoriais, que irão sistematizar os fatores ASG relevantes para melhorar a performance socioambiental de projetos estruturados ou fomentados pelo Ministério, de modo a alinhá-los às melhores práticas nacionais e internacionais. Também é prevista uma etapa final de sistemática de aplicabilidade, que irá apoiar a implementação desses instrumentos no setor público para acelerar o pipeline de projetos ASG. 

Já o segundo, realizado em cooperação com o Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), é focado em mobilidade urbana e prevê a elaboração de um guia ASG de mobilidade urbana para promover melhores práticas ASG entre investidores, empresas, operadores e formuladores desses projetos. 

A iniciativa marca o início de um trabalho coletivo para fomentar projetos e ativos com melhor performance ASG e que sejam atrativos ao financiamento verde. Em sua fala, Gustavo ressaltou que as operações ASG brasileiras crescem exponencialmente e já superam R$100 bilhões no acumulado histórico. Somente neste ano, por exemplo, as operações já alcançaram R$61 bilhões, mais que o dobro de 2020.

Confira o lançamento na íntegra aqui