Novo Fundo é criado em parceria internacional para inclusão da mulher no mercado de Tecnologia e Comunicação

A SITAWI Finanças do Bem está trabalhando com o coletivo europeu YOPO, um empreendimento social dedicado à inovação na luta contra a violência sexual, a fim de criar o “Fundo Social FEM-Inovação – Mulheres para TIC com impacto social”. A intenção  é apoiar o lançamento de uma nova aceleradora, a internacional Gendered Innovation Accelerator (GIA), em São Paulo. O projeto tem como objetivo investir na redefinição das Tecnologia da Informação e Comunicação, apoiando a inovação com uma lente de gênero. Não se trata apenas de corrigir o desequilíbrio de gênero entre os programadores de software, formado por 85% de homens, mas sim de contribuir para a constituição de uma nova mentalidade e, portanto, de novas oportunidades na área de TIC. A meta do Fundo para viabilizar a chegada do GIA no Brasil é de mais de R$1.5 milhão.

O mais recente exemplo de design para tecnologia com padrão masculino, deixando as necessidades das mulheres para trás foi o novo Apple HealthKit, que reúne as métricas que as pessoas estão mais interessadas e não inclui o rastreamento de ciclo menstrual, por exemplo. Hoje 500 milhões de mulheres utilizam iPhone e Android e, por hora, não há nenhum sinal de inovações orientadas para mulheres na Apple HealthKit. Esse é um mero exemplo das muitas oportunidades de impacto social e de mercado perdidas quando uma abordagem orientada por/para homens em TI continua sendo o padrão de-facto.

“A metodologia dominante do design de software implica em criar produtos para os usuários cujos interesses, habilidades e necessidades assemelham-se à sua própria, resultando em uma abordagem com padrão masculino em Tecnologia da Informação”, afirma Gerardo Greco, Fundador e Criador da GIA.

Esta é uma das áreas onde o GIA, em parceria com a SITAWI Finanças do Bem, produzirá inovação com foco em empatia e na mulher, juntamente com segurança pessoal concebida para a mulher e o mHealth – que é a prestação de serviços de saúde e informações por tecnologias móveis.5