Brasil detém US$ 2,4 bilhões de títulos climáticos, aponta estudo

Brasil detém US$ 2,4 bilhões de títulos climáticos, aponta estudo

Publicado na Revista Investidor Institucional em 28 de julho 2016

O total de títulos climáticos no Brasil em maio de 2016, era de US$ 2,4 bilhões. Destes, 23% eram compostos por títulos verdes rotulados – que geram benefícios ambientais explícitos de prazos mais curtos. Os dados são de relatório da Climate Bonds Initiative em parceria com a consultoria SITAWI. Os títulos climáticos são títulos de dívida emitidos por empresas para financiar projetos “verdes”, ou de sustentabilidade.

O relatório diz que a BRF emitiu cerca de US$ 549 milhões em títulos verdes rotulados, sendo esta a primeira vez que uma empresa brasileira emitiu esse tipo de título no exterior. A maior parte dos títulos climáticos (54%), contudo, está ligada ao setor de transporte ferroviário. O setor de energia é o segundo maior emissor, com 23% das emissões.

Em julho deste ano, a Suzano Papel e Celulose fez sua primeira emissão de títulos verdes, no valor de US$ 500 milhões.


Matéria completa:
 http://www.investidorinstitucional.com.br/index.php/br/investidoronline/30091-brasil-detem-us-2-4-bilhoes-de-titulos-climaticos-aponta-estudo.html