BLENDED FINANCE?

O termo se refere a uma abordagem de financiamento misto que faz uso de capital público ou filantrópico para estimular o investimento do setor privado nos países em desenvolvimento e nas metas de desenvolvimento sustentável. O método permite que diferentes tipos de capital (sejam eles de impacto ou comerciais) invistam lado a lado enquanto cada um atinge seus próprios objetivos (financeiros, sociais ou uma mistura dos dois).

“No ecossistema de investimentos e negócios de impacto, seria a possibilidade de trazer diferentes instrumentos financeiros numa mesma parceria entre investidor e negócio. Por exemplo, uma fundação poderia fazer uma doação e depois entrar com um empréstimo. Ou um investidor poderia fazer um empréstimo e depois um equity e virar sócio da empresa. Trata-se de uma abordagem bastante rica e promissora”, explica Célia Cruz, Diretora Executiva do ICE.

O capital de início nesse tipo de abordagem é o capital paciente, aquele que aceita correr mais riscos. Geralmente, o grande investidor nessa fase são as fundações e institutos e pessoas físicas de alta renda.

Este método pode alavancar recursos que estão parados em famílias de alta renda para viabilizar a atração de capitais mais tradicionais.

Em outubro de 2019 a SITAWI lançou este artigo, quando o tema foi assunto de um dos episódios da Websérie Finanças do Bem. Veja abaixo o episódio abaixo.

A SITAWI faz uso desta ferramenta para desenvolver mecanismos financeiros que tornem o investimento de impacto (em negócios de impacto), mais atrativo tanto para o investidor de impacto, quanto para o empreendedor de impacto.

Saiba mais sobre:
Por que Investimento de Impacto?
Investimento de Impacto no Brasil
Como investir através da Plataforma de Empréstimo Coletivo da SITAWI
Razões para #INVESTIRnoIMPACTO
Critérios para receber Investimento de Impacto

Siga Redes Sociais Plataforma Empréstimo Coletivo SITAWI