Bancos oferecem crédito e redução de taxas a empresas com projetos sustentáveis

WhatsApp Image 2016-10-24 at 18.12.40
O setor financeiro vem se adaptando às práticas socioambientais de dentro para fora, envolvendo todas as repartições da empresa de maneira integrada e corporativa, e de fora para dentro, investindo em negócios mais sustentáveis e preocupados não apenas com o lucro, mas com o impacto de suas atividades no mundo. Alguns indicadores de sustentabilidade, Ethos e ISE, têm orientado a seguir nessa direção através de publicações e guias de responsabilidade social. E, para atrair empresas e estimulá-las a se comprometerem com atividades sustentáveis, a redução na taxa de juros de empréstimos e financiamentos tem sido uma ótima oportunidade de impulsionar o desenvolvimento sustentável. Alguns bancos já estão adotando esse modelo, o que representa uma evolução e mudança de paradigmas de responsabilidade socioambiental.

No Rio em Foco dessa segunda (07/11), vamos conversar com o Diretor da SITAWI Finanças do Bem, Gustavo Pimentel, sobre as tendências desse mercado, como os bancos estão se estruturando internamente para incorporar esses recursos socioambientais e de que forma isso impacta o setor.

“É interessante analisar como as empresas estão exigindo os mesmos critérios e as mesmas conformidades da sua cadeia de valor. Se eu sou uma empresa grande e que está no índice, um dos critérios é aplicar as normas de responsabilidade socioambiental para os meus fornecedores”, explica Pimentel.

Você pode assistir o Rio em Foco pela TV Alerj, canal 12 Net, com reprises no sábado (12/11),às 17h, e domingo (13/11), às 20h. Ou pelo site: http://www.querodiscutiromeuestado.rj.gov.br/rioemfoco/programas-2016.