ABDE lançará Guia de Responsabilidade Socioambiental desenvolvido pela SITAWI

No próximo mês de dezembro será lançado o inédito Guia de Responsabilidade Socioambiental encomendado pela ABDE (Associação Brasileira de Desenvolvimento) e BID (Banco Interamericano de Desenvolvimento) e produzido pela SITAWI. O guia é fruto da Resolução 4.327, criada pelo Banco Central (BC), que prevê a adoção e prática de Políticas de Responsabilidade Socioambiental (PRSA) próprias por todas as instituições financeiras do Brasil até 2015.

A resolução dispõe que cada instituição formalize em sua PRSA os princípios e as diretrizes para atuação frente às questões ambientais e sociais ligadas aos seus negócios e a sua relação com clientes e usuários dos produtos e serviços oferecidos. Para isso, as instituições financeiras devem estar atentas aos princípios indicados na norma e procurar traduzi-los para a sua própria realidade.

Por meio dos dados colhidos na pesquisa foi possível traçar um retrato das diferentes realidades e necessidades das instituições financeiras de desenvolvimento brasileiras no que se refere à formatação de PRSAs. No total foram analisadas 20 instituições – seis bancos múltiplos, quatro bancos de desenvolvimento e dez agências de fomento – e constatou-se que, das 28 afiliadas à ABDE, sete já contam com uma PRSA formalizada.

O levantamento também apontou que nove das instituições analisadas mantêm processos e rotinas que envolvem o sistema de avaliação de riscos para concessão de crédito. Porém, em se tratando de agências de fomento, foi averiguado que há proporcionalmente menos instituições que sistematizam suas ações na área socioambiental, com apenas duas das dez participantes da pesquisa dispondo do sistema.

De acordo com Gustavo Pimentel, diretor de Research & Advisory da SITAWI, essa realidade se deve ao fato das agências de fomento serem instituições relativamente novas, portanto “é natural que ainda estejam se desenvolvendo e aperfeiçoando seus modelos de risco em diferentes aspectos.” Identificada essa necessidade, a SITAWI foi responsável pelo treinamento de dez agências de fomento sobre risco socioambiental, realizado no início de novembro em Recife.