A nova fase do impacto social no Brasil

A Nova Fase do Impacto Social no Brasil – Profissionalização e Sustentabilidade Econômica Na Europa, de cada quatro startups criadas por ano, uma é um negócio social. No Brasil ainda não conhecemos as estatísticas, mas devemos estar quase acompanhando esse ritmo. Duvida? Faça um balanço de 2016. Quantas vezes você leu sobre “negócios de impacto” na mídia? E para quantos eventos você foi convidado? Difícil fazer as contas.

Mas que tal começarmos 2017 olhando para a próxima fase dos negócios de impacto: a Profissionalização e Sustentabilidade Econômica.
Os negócios de impacto no Brasil já chegaram nessa fase? O que falta para chegarem? Investimento? Melhores ideias? Ou algo mais?
Ouça a opinião de atores fomentando o setor e de startups de impacto em fase de crescimento e comece o ano acompanhando as expectativas para os negócios de impacto em 2017.
Convidados para a mesa redonda:
Luciana Oliveira: New Hope Ecotech (startup residente do Campus) criadora do selo Eureciclo
Samira Almeida: Story Max (startup residente do Campus)

Andrea Oliveira: Positive Ventures (fundo de impacto)
Julia Melo: Instituto Amani (capacitação de profissionais para negócios de impacto)
Mediadora: Carolina Aranha (Pipe.Social)
INSCREVA-SE GRATUITAMENTE!